Novidades

O 1º SUV elétrico da Mercedes chega ao Brasil em 2020

O segmento de SUVs no mercado brasileiro está cada vez maior, mas ainda falta uma importante peça: as SUVs elétricas. Essa questão, porém, será resolvida em 2020: a Mercedes-Benz anunciou, no dia 5 deste mês, a vinda do seu primeiro SUV elétrico ao Brasil, o EQC.

O EQC será o primeiro modelo elétrico do segmento.

Potência e tecnologia

O modelo, que será concorrente direto do Jaguar I-Pace, que já foi lançado no mercado brasileiro, e do Audi E-Tron, aguardado para ainda este ano, é equipado com dois motores elétricos, posicionados um em cada eixo (tração integral), combinando uma potência de 408 cavalos e 77,5 kgfm de torque.

Prometendo chegar aos 100 km/h em 5,1 segundos (superando o rival Audi no mesmo teste), ele alcançará 180 km/h de velocidade máxima. Os números são muito bons para um veículo com 2.495 kg e dão ao utilitário um desempenho esportivo.

O conjunto de baterias de íon de lítio de 80 kWh garantem uma autonomia estimada entre 445 e 471 quilômetros, de acordo com a marca. Sua recarga tem capacidade de 80% em 50 minutos em uma tomada de recarga rápida ou em 7h e meia num carregador semirrápido da marca, que poderá ser incluso na compra do carro ou à parte.

Motores elétricos e bateria que garantem autonomia e desempenho de esportivo.

Na questão tecnologia, o EQC também impressiona, uma vez que ela está presente em quase todas as suas funções. Ele oferece cinco modos de condução diferentes, considerando o melhor uso de seus motores.

Seu interior segue o padrão, tendo muitas referências aos modelos atuais da marca, contando com o Mercedes-Benz User Experience, um sistema multimídia inteligente com muitas possibilidades de operação e reconhecimento de fala.

Além do sistema Car-to-X, que permite conectividade que os veículos se comuniquem entre si e com outras estruturas no trânsito, como semáforos.

Interior tecnológico e seguindo os padrões atuais da Mercedes.

Visual moderno

O utilitário elétrico possui identidade própria. Apesar das semelhanças no seu interior, seu design exterior se desvincula do visual dos demais utilitários da marca.

Ele se apresenta com um visual mais futurista. Na dianteira, o destaque vai para os faróis de led em formato “bumerangue” e uma uma grade bem marcante. Na traseira, as lanternas são unidas por uma barra fina, lembrando o estilo do concorrente Porsche Cayenne.

Visual com personalidade própria e mais futurista.

Dimensões

O EQC tem 4,76m de comprimento, 1,88m de largura e 1,62m de altura. Seu entre-eixos é de 2,87m e possui um porta-malas de 500 litros. Ele é um pouco maior que o I-Pace, porém, é menor que seu rival no exterior, o Tesla Model X, que tem 5m de comprimento. Comparado com as SUVs “convencionais” da Mercedes, fica um pouco acima do GLC.

O modelo possui um teto com uma curvatura para a parte de trás, com um recesso no estilo coupé, e rodas desenhas especialmente para melhorar sua aerodinâmica, disponíveis em aros de 19 a 21 polegadas.

O EQC é o primeiro da nova linha de carros elétricos da Mercedes. Sua intenção é oferecer um produto com capacidade autônoma, conectividade, que funcione como serviço e sustentavelmente movido a energia elétrica.

A sua data de lançamento e os preços ainda não foram divulgados.